Best Cars Web Site
Espírito jovem

Clique para ampliar a imagem Clique para ampliar a imagem

Xsara VTS 1.8 e Astra GLS 16V oferecem algo mais
em estética ou desempenho. Mas qual o melhor?

Texto e fotos: Fabrício Samahá

Eles foram lançados no mesmo salão internacional -- o de Frankfurt, em 1997 -- e chegaram ao Brasil com uma diferença de poucos meses. Um, produzido localmente, lidera o segmento dos médio-pequenos com mais de 43 mil unidades vendidas de janeiro a agosto. O outro, trazido da França (exceto a versão básica GLX, que vem do Uruguai), é o automóvel importado mais vendido, com cerca de 4 mil exemplares no mesmo período.

Linhas do Xsara são fluidas e agradáveis. Versão VTS 1.8 tem spoiler traseiro e rodas de 15 pol, mas a suspensão é alta como na linha "comportada"

O lançamento de nova versão do Citroën Xsara (segundo carro descrito acima), a VTS com motor de 1,8 litro, levou o Best Cars Web Site a confrontá-lo ao Chevrolet Astra GLS 2.0 16V, seu concorrente direto em porte, configuração de carroceria (hatchback), motorização (à parte a diferença de cilindrada) e preço. Vendido a partir de R$ 33.995, o francês supera por 7% o nacional de R$ 31.667, mas traz de série alguns itens que neste são opcionais -- o que equilibra ainda mais a disputa.

Astra e Xsara são projetos dos mais modernos no segmento. O primeiro substituiu a primeira geração do modelo, trazendo como destaques rigidez torcional redobrada e distância entre eixos 11 cm maior, agora de 2,61 metros. O outro, sucessor do ZX lançado à mesma época do primeiro Astra (1991), manteve seu entre-eixos e um de seus recursos em prol da famosa estabilidade Citroën, o eixo traseiro autodirecional.

Embora seus antecessores estivessem em situação oposta, hoje o modelo da GM é mais anguloso e o da Citroën mais arredondado, mas de resto as linhas são bem parecidas -- e agradáveis. A ascensão das janelas rumo à traseira, a terceira porta com borda que lembra um spoiler, os retrovisores com pintura parcial, a grade que sobe com o capô: são inúmeros os detalhes em semelhança. Mas o Astra sai na frente em aerodinâmica: Cx de 0,30 contra 0,33.

Estilo retilíneo do Astra recebe apenas rodas de maior diâmetro na versão 16V. Lanternas transparentes são destaque

Ao contrário do que informou hilária publicação "especializada", não é preciso ser apaixonado pela marca francesa para notar a grande diferença deste Xsara VTS -- a maior altura de rodagem, a mesma da linha "comportada" -- em relação à versão 2-litros (leia avaliação). Mas as belas rodas de 15 pol, o spoiler traseiro e os logotipos nas molduras laterais foram mantidos, criando um toque esportivo ausente do Astra.

No modelo da GM, apenas as rodas de 15 pol e o logotipo na traseira identificam o motor 16V, talvez pouco para o público jovem. A marca poderia ao menos pintar frisos, maçanetas, moldura de placa e saia entre-eixos na cor da carroceria. Detalhe de bom gosto do Astra são faróis e lanternas com lentes transparentes -- a iluminação dos faróis de superfície complexa, contudo, se eqüivale à dos convencionais do Citroën. Continua

Avaliações - Página principal - e-mail

© Copyright 1999/2000 - Best Cars Web Site - Todos os direitos reservados