Nas ruas, como Capirossi

Clique para ampliar a imagem

Com a superesportiva Desmosedici RR, de cerca de 200 cv,
a Ducati traz às ruas a tecnologia das provas de MotoGP

Texto: Fabrício Samahá - Fotos: divulgação
Clique para ampliar a imagem

Clique para ampliar a imagem

Clique para ampliar a imagem

Clique para ampliar a imagem

Se não é de hoje que a indústria de motos tem procurado oferecer, para uso em rua, modelos muito próximos dos que competem nas pistas, o fato é que a italiana Ducati nunca aproximou tanto esses ambientes como faz agora com a Desmosedici RR. É, sem dúvida, a Ducati autorizada a vias públicas que mais se parece com as motos pilotadas por Loris Capirossi e Sete Gibernau no Campeonato Mundial de MotoGP este ano.

No lugar do motor bicilíndrico em "L" tão habitual na marca, a RR traz um quatro-cilindros em "V" de 989 cm3, com comando desmodrômico e quatro válvulas por cilindro. A potência fica ao redor de 200 cv a 13.500 rpm, o que faz dela a moto de produção mais potente da atualidade. E ainda pode aumentar com a adoção de escapamento e central eletrônica apropriados para as pistas. Bielas e válvulas são de titânio e o escapamento, do tipo 4-em-2-em-1, tem a saída em posição quase vertical na rabeta, o que elimina o espaço para um garupa. O câmbio de seis marchas tem montagem que facilita a troca de engrenagens.

O quadro mantém o conhecido padrão de treliça de aço, mas a balança da suspensão traseira é de alumínio forjado, e a seção sob o banco, de fibra de carbono. Nas suspensões usam-se garfo e amortecedor traseiro Öhlins. As rodas Marchesini, de magnésio forjado, são uma primazia em motos de rua e os pneus foram desenvolvidos para a RR pela Bridgestone. Para os freios, com discos dianteiros de 320 mm, o fornecedor só poderia ser a Brembo.

Duas versões de grafismo serão oferecidas no lançamento, que só acontece em julho de 2007: Rosso GP, vermelha com uma única seção em branco na rabeta (como se fosse receber ali o número para competir), e Rosso GP Team Version, com faixas brancas largas que imitam as Ducatis de MotoGP (compare-as na foto ao lado). Um jogo de adesivos de patrocinadores será fornecido, para quem desejar ainda maior semelhança. A moto terá garantia de três anos, inclusas as despesas normais de manutenção.

Ter uma Desmosedici RR não será para qualquer um. Além do preço, ao redor de 65 mil dólares, será preciso disputar as cerca de 400 unidades atuais com os clientes preferenciais da marca, já donos de 999R.

Clique para ampliar a imagem Clique para ampliar a imagem

Página principal - Escreva-nos - Envie por e-mail

Data de publicação: 6/6/06

© Copyright - Best Cars Web Site - Todos os direitos reservados