Best Cars Web Site Supermotos

Alterar a tradição mantendo o respeito

Após praticamente dez anos sem grandes alterações em suas consagradas esportivas, a Ducati inova com a 999

Texto: Ricardo Peres - Edição: Fabrício Samahá - Fotos: divulgação

Clique para ampliar a imagem

Certas coisas são consideradas clássicas. E o que viria a ser um clássico? Seria algo que, mesmo surgindo um pretenso substituto, não o consegue fazer, causando assim o saudosismo daquilo que se tentou substituir. Ou seja, mesmo com o passar dos anos, sempre haverá fãs do que, às vezes, nem é mais produzido.

Isso ocorre com a série 916/996/998 das motos Ducati (leia apresentação da 998), que causa em seus entusiastas sensações da mais pura esportividade que se possa conseguir sobre duas rodas. Essa mítica série da marca italiana conseguiu ser assim classificada com propriedades como o desenho limpo e de linhas retas, de Massimo Tamburini, que ao mesmo tempo transmitia muita agressividade.

Um mito de difícil substituição: a série iniciada com a 916, ao lado, e seguida com as 996 e 998 entra em nova fase com a chegada da 999

A série sempre foi famosa por sua indocilidade e seu caráter selvagem, mais indicado para as pistas. Outros pontos instigantes há 10 anos são a balança traseira monobraço, os escapamentos com as ponteiras localizadas sob a rabeta, o quadro treliçado e um tradicional motor bicilíndrico em “L” que, mesmo passando por modificações, sempre se caracterizou por um ronco inconfundível e uma curva de potência não muito contínua.

Por serem tão rebeldes, essas Ducatis despertam uma sensação de poder, uma supremacia sobre as demais esportivas quando se consegue dominar uma moto campeã sete vezes de Superbike e estrela de filmes de muita ação como A Caçada e Matrix Reloaded, que agora chega ao Brasil. Com essas singularidades e boa fama, era uma tarefa difícil desenvolver uma nova moto que despertasse tanta paixão e, ao mesmo tempo, aperfeiçoar os detalhes que a alguns incomodavam.

Clique para ampliar a imagem Clique para ampliar a imagem

Quase totalmente nova, a 999 tem como uma de suas prioridades tornar
a pilotagem mais acessível, exigindo menor habilidade do piloto

A Pierre Terblanche foi confiada a missão de desenvolver a 999. Ele, em vista disso, desenvolveu uma moto quase totalmente nova, em que um dos propósitos foi tornar sua pilotagem mais acessível, não tão exigente com seus proprietários. O novo desenho, desenvolvido pela primeira vez totalmente em CAD (desenho auxiliado por computador), apresenta uma carenagem frontal ampla e envolvente, com dois faróis um sobre o outro, além de uma terceira luz cravada no pára-brisa. Continua

Motos - Página principal - e-mail

Data de publicação: 17/5/03

© Copyright - Best Cars Web Site - Todos os direitos reservados