Best Cars Web Site
Comparativo Completo
Clique para ampliar a imagem



Na Audi, interior moderno e bem-equipado, com instrumentos adicionais e iluminação dos comandos e sistemas em vermelho

Clique para ampliar a imagem



A Volvo, sóbria e funcional: painel bem legível, comandos ótimos de usar e trava das portas traseiras comandada pelo motorista

Conforto e conveniência

Como se espera nesta faixa de preço, são peruas muito sofisticadas por dentro: revestimento dos bancos e volante em couro, apliques em tom de alumínio (ou com simulação de madeira em alguns detalhes da XC70), itens de conforto e conveniência por todos os lados. A Allroad aposta na combinação de tons cinza e preto para os bancos, que nem todos apreciam. Quanto ao desenho, são contemporâneas sem recorrer a formas ousadas que possam desagradar.

Motoristas de qualquer biótipo ficam bem acomodados em ambas, com os ajustes manuais do volante e elétricos do banco, incluindo altura em dois pontos e, na Audi, o apoio lombar. Há também três memórias de posição, convenientes quando se alternam usuários ou alguém altera os ajustes, e o passageiro dispõe das mesmas regulagens. Persiste na Volvo o botão do apoio lombar espremido junto ao porta-objetos central, já criticado em avaliações de outros modelos.

O painel da Allroad é um raro caso, hoje, em que se incluem termômetro de óleo e voltímetro, quase extintos da produção mundial. Poderia ter ainda manômetro de turbos, o mesmo valendo para o da XC70, que contém apenas os instrumentos usuais. Em ambas um mostrador reúne mensagens de alerta e computador de bordo, com medição de consumo em km/l, como deve ser. A iluminação da Audi é em branco com vermelho, e a da Volvo, em verde, sendo ambas perfeitas em leitura. Só que a sueca mantém o painel aceso todo o tempo, podendo-se esquecer o uso dos faróis, enquanto na alemã só os ponteiros estão sempre acesos.

Os sistemas de áudio são de primeiro nível, com toca-CDs múltiplo no painel (quatro discos na XC70, seis na Allroad, que tem ainda toca-fitas), formato exclusivo das marcas, para inibir o furto, e excelente qualidade de reprodução, embora não impressionem pelos graves — as amplas dimensões dos veículos não contribuem. O da Volvo tem os recursos de três canais e Dolby ProLogic, mas não pode ser usado sem a chave; à Audi faltam controles junto ao volante, falha inesperada, já que até sua "prima pobre" Parati Crossover os oferece...

As duas têm controle elétrico dos vidros com função um-toque (só nos dianteiros na XC70), sensor antiesmagamento e temporizador e ar-condicionado com controle automático de temperatura e seleção separada esquerda/direita. Mas a Volvo conta com difusores nas colunas centrais para o banco traseiro, posição mais eficaz que a do console da Audi, pois o ar frio deve ser dirigido para cima e para as janelas. Continua

Avaliações - Página principal - Escreva-nos

© Copyright - Best Cars Web Site - Todos os direitos reservados