Best Cars Web Site
Comparativo

Chegando a um novo degrau

Astra e Escort básicos representam acesso ao segmento
dos médio-pequenos, mas cada um tem seus trunfos

Chevrolet Astra GL 1.8 Ford Escort GL 1.6
Texto: Fabrício Samahá

Com a proximidade do lançamento do Focus, seu moderno carro médio-pequeno (saiba mais), a Ford providenciou oportuna substituição de motores no veterano Escort: sai o Zetec inglês de 1,8 litro e 16 válvulas (que permanece disponível, mas não por muito tempo), entra o Zetec Rocam nacional de 1,6 litro e oito válvulas. A queda de potência foi de 20 cv, mas o consumo diminuiu e o preço também baixou -- o que faz toda a diferença num carro que está se deslocando para um segmento inferior.

O Escort GL 1.6 sai por R$ 23.410, básico, com cinco portas, direção assistida e limpador traseiro de série, podendo receber apenas ar-condicionado como opcional. Por R$ 26.934, ou 15% a mais, a GM oferece o Astra GL 1.8 de 100,5 cv, com apenas três portas, mas dotado de lista de opcionais bem mais ampla: duas bolsas infláveis, volante e banco do motorista com ajuste de altura, freios antitravamento (ABS), alarme acionado a distância e, muito importante, rádio/toca-fitas e controles elétricos de vidros, travas e retrovisores.

Motor nacional de 1,6 litro e 95 cv permitiu reduzir o preço do Escort, que alcançou carros pequenos dessa cilindrada. A falta de alguns opcionais, porém, compromete seu apelo

Parece incrível, mas a Ford deixou estes itens essenciais de fora do Escort básico, levando o comprador à inconveniente instalação em concessionárias e lojas de acessórios. Em ambos faltam também conta-giros, rodas de alumínio e faróis de neblina, oferecidos apenas nas versões mais luxuosas e potentes.

Concepção e estilo

A concepção de ambos segue receitas parecidas, com carroceria de dois volumes e pequeno destaque de porta-malas, motor transversal, suspensão dianteira McPherson e traseira de eixo de torção. O Escort só é oferecido hoje com cinco portas, enquanto a versão hatch do Astra, por uma discutível estratégia de marketing, limita-se a três.

Projeto moderno do Astra fica evidente no estilo, na rigidez estrutural e no comportamento dinâmico. Mas custa 15% a mais e não oferece cinco portas
Basta olhar para os carros, porém, para concordar: as linhas bastante modernas do Astra contrastam com o ar envelhecido do Escort. São sete anos de diferença no lançamento europeu destas gerações, mesmo que o Ford já tenha sido reestilizado. Os pontos de destaque do GM aparecem no pára-brisa bem inclinado, na eficiente aerodinâmica e na robustez do conjunto, para o que contribui a alta linha de cintura.
Conforto e conveniência

O projeto moderno do Astra e seu enorme entreeixos conferem vantagem em espaço interno, mas a falta de portas traseiras gera incômodos que pareciam pertencer ao passado, inclusive as portas grandes e pesadas. Os bancos dianteiros correm para ampliar o vão de acesso à traseira, mas o procedimento para mantê-los na posição pré-ajustada não é prático.

Interior do Escort não está fora do contexto e traz melhor revestimento dos bancos e relógio. O painel é simples em ambos, sem o desejável conta-giros

O acabamento do Escort é superior -- pelo menos no tecido de revestimento, já que a atenção aos detalhes é pouca em ambos. Decepcionam no Astra os puxadores de porta e a ausência de alças de segurança traseiras no teto. Os painéis são simples, sem conta-giros, e só o Ford possui relógio. Mas este impõe uma limitação imperdoável em relação a sistema de áudio e controles elétricos de vidros e travas, como já dito. Os comandos de vidros da GM, aliás, são ótimos ao trazer função um-toque, temporizador e proteção antiesmagamento para todos eles.

O Astra é bem superior em posição de dirigir, desde que equipado com volante ajustável e regulagem de altura do banco. Seu encosto oferece apoio lombar intenso, bem o oposto do Escort. Encostos de cabeça traseiros são exclusivos do GM e o acabamento de seu porta-malas é mais razoável, sendo as capacidades equivalentes.
Continua

Avaliações - Página principal - e-mail

Fotos: Fabrício Samahá (motor do Astra) e divulgação (demais)

© Copyright 2000 - Best Cars Web Site - Todos os direitos reservados

O Best Cars Web Site estabeleceu comparativos compactos de forma a atender com maior agilidade o leitor, diante da disponibilidade limitada de alguns modelos para avaliação completa. Eles se baseiam em contatos rápidos com os veículos e por isso oferecem menor volume e profundidade de informações.