Best Cars Web Site

Últimas Notícias   

Data de publicação: 24/4/12
Clique para ampliar a imagem Clique para ampliar a imagem
Novo Ford EcoSport: as impressões do interior

Prosseguindo em uma estratégia de apresentação a conta-gotas, dessa vez a Ford mostrou mais um pouco do novo EcoSport, na versão definitiva Titanium, a mais luxuosa (leia informações do fabricante). Foi na fábrica de Camaçari, BA, que sofreu muitas modificações e evoluções de equipamento para hospedar a fabricação da família do novo Fiesta, da qual faz parte o novo Eco. Sim, porque com ele comparte muitos componentes, inclusive a boa plataforma, já consagrada no carro.

O desenho da carroceria repete o da versão conceitual apresentada em janeiro. A única modificação em relação àquele modelo de plástico e fibra de vidro está nos faróis definitivos, que infelizmente são de um só refletor. Atendem aos requerimentos de iluminação, mas seriam bem melhores se fossem duplos — até para coroar melhor a grande "boca" já habitual nos carros Ford atuais. As rodas de 16 pol usam pneus 205/60 (Pirelli Scorpion ATR no carro mostrado).

Clique para ampliar a imagem Clique para ampliar a imagem
 

De novidade estética, mesmo, aconteceu a apresentação do vasto interior. O autor mede 1,85 metro e, com o volante ajustado em altura e distância, bem como o banco dianteiro regulado para sua estatura também em altura, pôde sentar-se no banco de trás sem sacrifício. Em um veiculo de uso eminentemente familiar, esse detalhe é crucial. A capacidade de bagagem não foi divulgada, mas aparenta ser próxima à do Eco anterior, favorecida pela instalação do estepe no lado de fora do carro. A porta traseira continua a se abrir para o lado esquerdo, medida que não é a melhor quando há espaço limitado atrás do carro.

Na versão apresentada estão os recursos eletrônicos que se espera hoje em dia, como o sistema Sync para uso de telefone celular e de conexões de áudio. O painel se apresenta bem semelhante ao do novo Fiesta — o próximo produto baiano — e as texturas e padrões de revestimento e acabamento são boas, passando uma razoável impressão de qualidade.

Clique para ampliar a imagem Clique para ampliar a imagem

 

Embora a Ford não divulgue qualquer informação técnica, o motor Duratec flexível de 2,0 litros e 16 válvulas é o mesmo do atual, só com alguns ajustes para novos limites de emissões e pela hospedagem na carroceria. No evento não foi abordado o uso do motor Sigma 1,6 16V, mas é certo que ele vem motivar a versão de entrada — em geral a mais vendida. A pergunta que não quer se calar é se vem a caixa automatizada de dupla embreagem, usada nessa plataforma no México, em resposta às críticas à antiga caixa automática de quatro marchas e conversor de torque, que já não mais satisfaz em desempenho e consumo nos novos Fords.

Fica no ar o porque da demora na apresentação do novo EcoSport, enquanto a concorrência francesa ganha espaço nesse nicho de mercado criado pela Ford há nove anos. A Renault tem seus problemas de nacionalização de componentes no Duster, mas com o sucesso de vendas alcançar os 65% requeridos pela legislação não deve ser um obstáculo intransponível.

Por José Rezende Mahar, editor do MaharPress

Clique para ampliar a imagem Clique para ampliar a imagem
 
blog comments powered by Disqus

Página principal - Escreva-nos

Fotos: divulgação

© Copyright - Best Cars Web Site - Todos os direitos reservados - Política de privacidade