Best Cars Web Site

Últimas Notícias   

Clique para ampliar a imagem Clique para ampliar a imagem
BMW Série 1: nova geração com avanços técnicos e estilo discutível

Parece que a fase de belos desenhos na BMW, capitaneada pelo conceito Gran Coupe, teve curta duração. Ao menos é o que sentimos ao ver a segunda geração do Série 1, com uma frente algo estranha (inspirada no Série 5 Gran Turismo, um dos menos atraentes modelos da empresa e que não tem obtido sucesso de vendas) e uma traseira que poderia pertencer a qualquer modelo europeu ou asiático. Embora toda a carroceria seja nova, 85 mm mais longa e com entre-eixos 30 mm maior (2,69 metros), as laterais lembram muito as do carro anterior, lançado em 2004. Por enquanto apenas a versão de cinco portas foi apresentada.

Clique para ampliar a imagem Clique para ampliar a imagem
 

O interior do novo Série 1 combina elementos tradicionais da BMW a uma seção central retilínea e de aspecto antigo, sobre a qual vai uma tela de informações e entretenimento de até 8,8 pol. Conexão à internet, sistema de áudio Harman Kardon com 12 alto-falantes, toca-DVDs, monitor para detectar o risco de colisões, faróis com comutação automática entre alto e baixo (conforme haja tráfego no sentido oposto), câmera traseira para manobras, leitura de placas especiais nas vias e controlador de velocidade e distância à frente, com função de frenagem automática, estão entre os recursos disponíveis.

Clique para ampliar a imagem Clique para ampliar a imagem
Clique para ampliar a imagem Clique para ampliar a imagem
 

Os motores iniciais são dois a gasolina e três a diesel. O 116i e o 118i usam o mesmo 1,6-litro com turbo, injeção direta, sistema Valvetronic e comando variável Duplo Vanos, o primeiro com 136 cv e 22,4 m.kgf e o segundo com 170 cv e 25,5 m.kgf. Na linha turbodiesel, o 116d tem 116 cv/26,5 m.kgf, o 118d oferece 143 cv/32,6 m.kgf e o 120d alcança 184 cv/38,7 m.kgf. Enquanto o 118i a gasolina chega a 225 km/h e acelera de 0 a 100 em 7,4 segundos, o 120d vai a 228 km/h e faz o mesmo em 7,2 s. Inédita no segmento é a caixa automática de oito marchas em alternativa à manual de seis. E a tração permanece traseira, o que mostra que — estilo à parte — algumas boas tradições da BMW ainda são respeitadas.
 

Página principal - Escreva-nos - Envie por e-mail

Texto: Fabrício Samahá - Fotos: divulgação - Data de publicação: 6/6/11

© Copyright - Best Cars Web Site - Todos os direitos reservados - Política de privacidade