Best Cars Web Site
Supercarros

Texto: Fabrício Samahá - Fotos: divulgação

Thunderbolt, um Chrysler com capota elétrica e linhas futuristas há 60 anos


Os dream-cars, carros de sonho, surgiram nos Estados Unidos com o Buick Y-Job de 1938 (saiba mais). Outros fabricantes logo tomaram o mesmo rumo: em 1941 a Chrysler apresentava o LeBaron Thunderbolt, estudo de um conversível muito avançado.



Preto, com frisos prateados e interior em couro vermelho, o conceito -- na verdade seis unidades, construídas pela empresa LeBaron para a marca -- usava carroceria de alumínio e trocava as maçanetas das portas por botões. As linhas eram baseadas em um desenho de Alex Tremulis, da Briggs -- responsável pelo Cord dos anos 30 (leia história) e por projetos posteriores para a Tucker e a Ford -- e Ralph Roberts, da Chrysler.



A capota metálica tinha comando elétrico, alojando-se na parte traseira de modo automático (abaixo), e os faróis eram escamoteáveis. Com motor de oito cilindros em linha e 143 cv brutos, o Thunderbolt foi o primeiro carro não produzido em série a atuar como madrinha (pace-car) na famosa 500 Milhas de Indianápolis.

Supercarros - Página principal - e-mail

© Copyright 2001 - Best Cars Web Site - Todos os direitos reservados