Best Cars Web Site
Guia de Compra

Veterano ainda em forma

Mesmo envelhecido, o S10 é uma alternativa a considerar,
mas não obtém alta satisfação entre os proprietários

Texto: Alberto Polo Jr. - Fotos: Renato Araújo

Líder do mercado de picapes médios por vários anos desde seu lançamento, o Chevrolet S10 é uma opção a quem precisa de um veículo para trabalho que sirva também para viagens com a família. A oferta no mercado é generosa e o preço é interessante: começa em R$ 14,7 mil.

O S10 foi lançado no mercado americano em 1982 (leia história). A segunda geração, que deu origem à versão brasileira, foi lançada por lá em 1994. Por aqui o S10 chegou no ano seguinte como resposta ao Ford Ranger, importado desde poucos meses antes. Tinha uma dianteira distinta do americano, mais arredondada e bonita, e a mesma altura de rodagem da versão 4x4 dos EUA.

Eram duas versões: a básica, com apenas freios antritravamento (ABS) nas rodas traseiras e direção assistida como itens de série, e DeLuxe, que adicionava vidros, travas e retrovisores com acionamento elétrico, rodas de alumínio, pára-choques na cor da carroceria, revestimento interno melhor e conta-giros, entre outros. Ambas utilizavam o mesmo motor de 2,2 litros e 106 cv de potência, similar ao do Omega.

Ainda em 1995 chegava o motor Maxion turbodiesel de 2,5 litros e 95 cv. Um ano depois vinha a cabine estendida, que mantinha a mesma caçamba e tinha espaço para duas pessoas em pequenos bancos. Vinha somente na versão DeLuxe, com ar-condicionado de série. Também em 1996 surgiam o motor V6, de 4,3 litros e 180 cv, e o picape de cabine dupla e quatro portas. Este tinha o mesmo comprimento da versão estendida, porém com espaço menor na caçamba. Vinha nas versões básica, com motor 2,2, e DeLuxe, com o V6 ou o turbodiesel. No ano seguinte ocorria mudança no eixo traseiro e recalibração nessa suspensão, que se tornava mais macia.

A linha 1998 trazia ar-condicionado de série para o DeLuxe com cabine simples. Para comemorar a Copa do Mundo da França era lançada a série especial Champ, com cabine simples, cor azul-marinho, os mesmos equipamentos do DeLuxe e motor V6. O 2,2 passava a utilizar injeção multiponto e subia para 113 cv. A tração 4x4, com caixa de redução e acionamento por botões no painel, chegava ao S10 diesel.

Uma ligeira reestilização era revelada para 1999, com pára-choque dianteiro redesenhado e novos faróis auxiliares, para um aspecto mais imponente. O DeLuxe de cabine simples ganhava a opção de motor V6 e, meses depois, a cabine estendida deixava de ser produzida.  Continua

O desenho do primeiro modelo, de 1995 a 1998, era suave e agradável; o interior do DeLuxe de cabine dupla tem bons acabamento e espaço, mas o desempenho com motores 2,2 e 2,5 é bastante modesto

Avaliações - Página principal - Escreva-nos - Envie por e-mail

Data de publicação: 16/7/05

© Copyright - Best Cars Web Site - Todos os direitos reservados