Best Cars Web Site Consultório Técnico

por Fabrício Samahá 

O que diferencia os motores
das Famílias I e II da GM


Qual a impossibilidade de utilizar-se os motores GM do Vectra e Astra nos modelos Corsa, evitando-se a utilização do "áspero" 1.8 novo? A adaptação seria possível em outros modelos? Parabéns pela excelente linha de trabalho e pela seriedade. Continuem.

Marco Antonio Aureli Brito
Santana de Parnaíba, SP
marco-brito@uol.com.br

O motor 1,8 do Astra (pertencente à chamada Família II) era justamente o que esperávamos ao saber que o novo Corsa traria essa opção de cilindrada, Marco. No entanto, a GM preferiu adotar nele uma versão da Família I, que já possuía motores de 1,0, 1,4 (apenas para exportação, tendo sido usado aqui até 1996) e 1,6 litro. Este 1,8 já existia na Europa em versão de 16 válvulas, agora utilizada na Meriva e no Stilo.

A principal diferença entre as linhas está na distância entre os centros dos cilindros, de 86 mm na Família I e 96 mm na II, o que implica um bloco de maior comprimento. Com isso, enquanto a Família II (na ilustração o Ecotec alemão de 2,2 litros) começa em 1,8 e chega a 2,4 litros (no S10 e Blazer), a "I" vai apenas até 1,8 litro, mesmo assim com limitações: pela impossibilidade de aumentar mais o diâmetro dos cilindros, foi necessário recorrer a um curso bem longo para os pistões (veja na tabela).

Só que as bielas permaneceram as mesmas dos motores de 1,0 a 1,6 litro, provavelmente por um limite dimensional do bloco, embora o fator da economia de escala, ao utilizar as mesmas bielas em toda a linha, possa ter sido a principal razão. Disso resultou uma relação r/l crítica e o conhecido prejuízo à suavidade de funcionamento.

Utilizar o motor 1,8 da Família II no Corsa (ou em outros modelos, como Meriva, Stilo e a linha Palio) dependeria, basicamente, de espaço transversal no compartimento -- que aparentemente não existia na geração anterior. O da Família I tem ainda duas vantagens: menor peso (cerca de 30 kg a menos, segundo a GM) e maior torque em baixa rotação, este um efeito positivo do longo curso dos pistões.

Veja na tabela as medidas internas e a relação r/l dos motores de ambas as famílias:

Família I
Cilindrada Diâmetro Curso Bielas Relação r/l
999 cm3 71 mm 62,9 mm 129,75 mm 0,242
1.389 cm3 77,6 mm 73,4 mm 129,75 mm 0,282
1.598 cm3 79 mm 81,5 mm 129,75 mm 0,314
1.796 cm3 80,5 mm 88,2 mm 129,75 mm 0,339
Família II
Cilindrada Diâmetro Curso Bielas Relação r/l
1.796 cm3 84,8 mm 79,5 mm 143 mm 0,277
1.998 cm3 86 mm 86 mm 143 mm 0,3
2.198 cm3 86 mm 94,6 mm 148 mm 0,319
2.405 cm3 87,5 mm 100 mm 148 mm 0,337

Página principal - e-mail

Data de publicação deste artigo: 10/12/02

© Copyright - Best Cars Web Site - Todos os direitos reservados