Consultório de Preparação


por Iran Cartaxo


Acertos podem melhorar o Saveiro 1,8 turbo


Gostaria que fizessem um ensaio de minha Saveiro, motor 1.8 a gasolina usando álcool, pressão de sobrealimentação de 1 kg/cm2 ( gostaria de saber também com 0,8 e 1,2), pneus 185/60 R14, sem intercooler, velas B8ES. Este motor está turbinado há 70.000 km ainda sem apresentar sérios problemas. Tenho uma maneira "calma" de conduzir e esta configuração vem agradando bastante para meus propósitos. Gostaria também de algumas dicas para continuar apresentando uma baixa manutenção e opções de óleo e velas.

Roberto Guimarães
cobexec@uol.com.br
Taubaté, SP



A preparação descrita para sua Saveiro, Roberto, é um caso claro de preparação pouco cuidada. Foram tomados cuidados excessivos para evitar detonação em alguns itens, deixando outros pontos não menos importantes de lado. Deste modo o carro fica com consumo elevado e produz menos potência do que deveria.

Para esta pressão seria mais recomendável manter a gasolina como combustível e reduzir a taxa de compressão, além das devidas regulagens. Pode-se também optar pelo álcool, mas aí é mais apropriado aumentar a taxa, para conseguir maior desempenho e menor consumo (clique aqui para saber mais).

As curvas de potência (as mais altas) e de torque estimadas para o Saveiro 1,8 original (em azul); com a preparação atual (em marrom); com a mesma preparação, intercooler e aumento de taxa (em rosa); com turbo a 0,8 kg/cm2 (em verde); e com turbo a 1,2 kg/cm2 (em vermelho)

Clique aqui para ver as curvas de potência e torque ampliadas


Existem outros pontos a ser revistos em sua preparação. O ganho em usar intercooler seria considerável: aumenta a potência (já que a mistura entra mais densa) e protege o motor contra detonação, permitindo uma curva de ignição mais avançada e uma taxa de compressão mais alta. Resultado: mais potência e menor consumo. Outro erro está no uso de velas de grau 8; deveriam ser de grau 11. As velas da moto Yamaha RD 350 são apropriadas (clique aqui para saber mais).

Óleo de qualquer marca idônea com especificação SJ (clique aqui para saber mais) é apropriado para seu carro, sendo o sintético uma boa opção. O óleo sintético pode ser trocado em intervalos maiores, pois praticamente não se deteriora -- 15.000 km é um bom intervalo. O óleo mineral pode ser trocado no intervalo recomendado pelo fabricante, mas intervalos menores são convenientes se o uso do motor for mais intenso.

Simulamos as seguintes preparações:

- Preparação atual;

- Preparação atual com intercooler e aumento da taxa de compressão em 1,5 ponto, com as velas sugeridas e nova regulagem;

- Turbo com intercooler, aumento da taxa de compressão em 1,5 ponto e pressão regulada para 0,8 kg/cm2, com as velas sugeridas e nova regulagem;

- Turbo com intercooler, aumento da taxa de compressão em 1 ponto e pressão regulada para 1,2 kg/cm2, com as velas sugeridas e nova regulagem.

Observe o desempenho estimado:

  Preparação atual Intercooler e taxa maior Turbo a 0,8 kg/cm2 Turbo a 1,2 kg/cm2
Potência máxima 160 cv 177 cv 158 cv 197 cv
Rotação de potência máxima 5150 rpm 5250 rpm 5250 rpm 5250 rpm
Velocidade máxima 203 km/h 210 km/h 202 km/h 218 km/h
Rotação à velocidade máxima 6135 rpm 6350 rpm 6115 rpm 6575 rpm
Aceleração de 0 a 100 km/h 6,7 s 6,1 s 6,7 s 5,5 s
Torque máximo 26,3 mkgf 29,2 mkgf 26,1 mkgf 32,4 mkgf
Rotação de torque máximo 2850 rpm 2900 rpm 2900 rpm 2900 rpm
Alongamento recomendado na relação de transmissão 19,2 % 20,7 % 16,2 % 24,9 %
Aumento recomendado na injeção de combustível 83,3 % 83,3 % 66,7 % 100,0 %
Aceleração longitudinal no interior do veículo 1,01 g 1,12 g 1,00 g 1,24 g
A margem de erro é de 5% (para cima ou para baixo), considerando-se instalação bem-feita. Calculamos a aceleração de 0 a 100 km/h e a aceleração longitudinal máxima (sentida no interior do automóvel) a partir da eficiência de transmissão de potência ao solo do carro original. Para atingir os resultados estimados pode ser necessária a recalibragem da suspensão, reforços no monobloco e/ou o emprego de pneus mais largos. A velocidade máxima estimada só será atingida com o ajuste recomendado da relação final de transmissão. Os resultados de velocidade são para velocidade real, sem considerar eventual erro do velocímetro. A rotação à velocidade máxima é calculada considerando a relação atual de transmissão.
Algoritmo de simulação de preparação de motores desenvolvido pelo consultor
Iran Cartaxo, de Brasília, DF.


Observe que, com os devidos acertos, você pode usar uma pressão menor e obter um desempenho muito próximo do atual, ou manter o 1 kg/cm2 e conseguir um Saveiro ainda mais rápido.

Seu carro é uma prova de que motores preparados podem durar muito, pois está com 70.000 km e, apesar do veneno pesado -- mesmo que um pouco desequilibrado --, não apresenta problemas. Com certeza é utilizado com critério e, a continuar assim, deverá ter uma vida tão longa quanto a de muitos motores que não sonham em ter tamanho desempenho.



Volta ao Consultório de Preparação

Volta à página principal


© Copyright 1998/1999 - Best Cars Web Site - Todos os direitos reservados