Consultório de Preparação


por Iran Cartaxo


Saveiro 1,8: como chegar aos 150 cv


Gostaria de saber qual a melhor preparação para deixar a Saveiro modelo 99 com uma potência próxima dos 150 cv, o que deveria ser mudado na suspensão e freios (ventilados na frente e a disco na traseira) para adequá-la às novas exigências e quais seriam suas novas marcas de aceleração.

Carlos I. Dagher
xuranha@projesom.com.br



Como já foi dito neste consultório, a preparação do velho VW AP é fácil e bem conhecida dos preparadores. Chegar a 150 cv na versão de 1,8 litro e injeção multiponto deste motor é simples, mas conseguir uma preparação equilibrada, econômica, que não prejudique a dirigibilidade nem polua demais, e ainda custe pouco, já é mais difícil. Quando se fala em ajustar o conjunto do carro às novas exigências, então, a aventura pode se complicar.

O modo mais fácil de atingir os objetivos citados é através da sobrealimentação. Para este nível de elevação de potência ela custa menos e é mais simplificada que o veneno equivalente aspirado, além de produzir melhores efeitos em termos de dirigibilidade. Caso se opte pela sobrealimentação por turbo, ainda se poderá desfrutar de maior economia e menores emissões de poluentes.

As curvas de potência (as mais altas) e de torque estimadas para o Saveiro original (em azul) e com turbo a 0,5 kg/cm2 e intercooler (em vermelho)

Clique aqui para ver as curvas de potência e torque ampliadas


Qualquer loja de preparação de renome pode fazer um serviço de adaptação de turbo em seu carro, mas preste atenção em certos detalhes que denotam um bom serviço e permitem aguardar bons resultados. Antes de mais nada exija uma receita de preparação pré-definida, descrevendo todas as mudanças, suas finalidades e as peças a serem adquiridas. Com base nesta receita observe se estão previstos:

- Reajuste do sistema de injeção às novas condições de funcionamento, feito tanto por uma caixa de gerenciamento adicional como por um remapeamento -- nunca removendo o sistema de injeção em troca de um carburador;

- Redimensionamento do sistema de escapamento, usando tubos de maior diâmetro;

- Intercooler, recomendado para pressões a partir de 0,4 kg/cm²;

- Válvula de prioridade, que visa a reduzir o retardo da turbina, turbo-lag;

- Nada de excessos como reforços nas partes internas do motor e peças como bobinas e cabos especiais, desnecessários para este nível de preparação.

Uma receita de qualidade deve considerar estes pontos, o que vai indicar se a loja onde você faz o orçamento trabalha de forma ponderada. Também deve haver distinção entre a preparação do motor e os ajustes na suspensão, freios e câmbio, que são até certo ponto independentes. Assim você será capaz de escolher até onde deseja ajustar o comportamento de seu carro à nova potência do motor, evitando gastos excessivos nestes componentes, que chegam a ser a parte mais cara de uma preparação.

Simulamos a preparação com turbo a 0,5 kg/cm² e intercooler, que permite superar os 150 cv desejados e não é considerada ainda uma preparação forte para turbo. Pode-se ajustá-la de forma a preservar a economia, os níveis de emissão de poluentes e ainda a vida útil do motor, desde que não haja excessos na utilização do veículo.

Observe o desempenho estimado:

  Original Turbo a 0,5 kg/cm2
Potência máxima 99 cv 154 cv
Rotação de potência máxima 5250 rpm 5250 rpm
Velocidade máxima 170 km/h 197 km/h
Rotação à velocidade máxima 5135 rpm