Clique para ampliar a imagem Clique para ampliar a imagem

Buick Le Sabre: estilo espacial e inovações
em um dos primeiros conceitos da GM

"Um laboratório experimental sobre rodas" é como a General Motors anunciava o Buick Le Sabre, apresentado em 1951. A marca havia sido pioneira na criação de carros-conceito (chamados à época de dream cars ou carros de sonho), com o Y-Job de 1938, e aproveitou o promissor momento do pós-guerra para adotar novas soluções técnicas e de estilo.

No material de apresentação, a GM era franca em esclarecer que, em sua visão, as propostas do Le Sabre não chegariam em pouco tempo aos automóveis de produção. A explicação para esse carro de sonho era que a empresa "sempre sentiu que seus engenheiros e estilistas gostam da liberdade de avançar no futuro do automóvel". O objetivo do projeto, conduzido pelo vice-presidente de estilo Harley Earl (nas fotos) e pelo vice-presidente de engenharia Charles Chayne, era um carro de alto desempenho que não sacrificasse o conforto dos ocupantes ou a facilidade de dirigir.

O Le Sabre impressionava já pelas linhas. Embora a corrida pelo espaço entre Estados Unidos e União Soviética só fosse começar em 1957, o fascínio pelo tema já estava presente nas mentes norte-americanas e no estilo de carros de sonho como esse. O grande elemento oval na extremidade do capô, de onde surgiam faróis para uso em estrada, era o destaque visual do modelo desenhado por Earl, que também aplicou ousadia aos para-choques, ao para-brisa envolvente e aos "rabos de peixe" da traseira. O grande conversível media cinco metros de comprimento, dois de largura, 1,27 m de altura (quando fechado) e 2,92 m entre eixos.

Pelo conforto dos dois ocupantes, o conceito trazia bancos com aquecimento, ajuste elétrico no do motorista e uma capota com comando elétrico que, além das posições aberta e fechada, podia ser parcialmente aberta para acesso mais fácil ao interior. O processo de fechamento fazia a tampa do porta-malas se erguer ao contrário, para trás, a fim de acomodar a capota. Um sensor entre os bancos detectava o início de uma chuva e fechava vidros e teto, mesmo com o carro estacionado. O painel trazia conta-giros, incomum na época, e contava com instrumentos centrais e um módulo com mostradores ao redor da coluna de direção. Segundo a GM, o estudo aerodinâmico permitia conversar em tom normal a bordo mesmo acima de 150 km/h.

Na mecânica, a GM buscou "o que poderia ser feito se as atuais limitações de materiais, custos e combustíveis desaparecessem". Isso levou a um motor V8 de 3,55 litros com bloco, cabeçotes e cárter de alumínio e dotado de compressor
— um projeto específico para o Le Sabre —, com potência bruta de 335 cv e peso relativamente baixo, 250 kg. As válvulas de escapamento eram preenchidas por sódio para dissipação de calor.

Em condições normais de uso, o carburador principal alimentava o V-8 com gasolina de alta octanagem. Quando o acelerador passasse do meio do curso, porém, um segundo carburador era acionado e fornecia metanol para que o motor alcançasse sua potência máxima. Os grandes tanques separados de gasolina e metanol, cada um de 76 litros, ficavam dentro dos para-lamas traseiros. Uma caixa automática Hydramatic, com tração traseira, foi adotada.

A carroceria usava metais leves como alumínio e magnésio, além de plástico reforçado com fibra de vidro, então uma novidade, e estava apoiada em um chassi de cromo-molibdênio. A suspensão traseira De Dion trazia os freios a tambor montados junto do diferencial, em vez de próximos às rodas, e os pneus tinham a medida 8,00-13, ou seja, mais largos e com rodas bem menores que o usual em seu tempo. E não havia macaco tradicional: se um pneu furasse, o motorista comandava do interior um macaco hidráulico, acionado pela mesma bomba da direção, que erguia o lado desejado do carro para permitir a troca.

Texto: Fabrício Samahá - Fotos: divulgação

Clique para ampliar a imagem

Clique para ampliar a imagem

Clique para ampliar a imagem

Clique para ampliar a imagem

Supercarros - Página principal - Escreva-nos - Envie por e-mail

Data de publicação: 7/8/10

© Copyright - Best Cars Web Site - Todos os direitos reservados